quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Tratamento de reflexologia estimulam-se os reflexos intestinais

 
Estudos comprovam que níveis baixos de serotonina podem provocar ansiedade, insónias, tristeza, irritação e até dor de cabeça.
Uma dieta alimentar rica em triptofano (aminoácido precursor da serotonina) ajuda o organismoa a segregar a serotonina.
Cerca de 95% serotonina ( 5-hidroxi-triptamina ou 5-HT) é produzida em pelo intestino delgado/duodeno
Num tratamento de reflexologia estimulam-se os reflexos intestinais e sabe-se que o efeito induzido pelo tratamento de reflexologia vai aumentar os níveis de serotonina...Nos pés encontramos uma fascinante relação de reflexos que descrevem exatamente todas as condições do nosso organismo. Apenas massageando os pés é possível estimular o sistema nervoso que cada pé puramente anatómico possui pelas suas trinta e três articulações e milhares de nervos. De uma forma relaxante o sistema nervoso é estimulado, actuando e comunicando assim com o nosso organismo de uma forma de equilíbrio orgânico, auxiliando-o preventivamente nas ocorrências de distúrbios potenciais, tais como: sistema respiratório, sistema digestivo, sistema muscular e articular, sistema nervoso, sistema renal, sistema hepático.
 
 

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Técnica antiga de massagem nos pés alivia sintomas de câncer

 
Um estudo de investigadores da Universidade de Michigan, nos EUA, fornece evidências fortes de que a reflexologia, tipo de massagem especializada nos pés praticada desde a idade dos faraós, pode ajudar doentes com cancro a controlar os seus sintomas e realizar tarefas diárias, avança o portal Isaúde.

O estudo, divulgado no Oncology Nursing Forum, é o primeiro a testar a massagem como um complemento para o tratamento padrão do cancro.

A reflexologia baseia-se na ideia de que estimular pontos específicos nos pés pode melhorar o funcionamento dos órgãos correspondentes, glândulas e outras partes do corpo.

O estudo envolveu 385 mulheres submetidas a quimioterapia ou terapia hormonal para estágio avançado de cancro da mama que se espalhou para além do seio.

As mulheres foram separadas aleatoriamente em três grupos: um que recebeu tratamento por um reflexologista certificado; outro que recebeu massagem nos pés que agiu como placebo; e um último grupo que recebeu apenas o tratamento médico padrão.

A líder da pesquisa Gwen Wyatt e os seus colegas examinaram os participantes sobre os seus sintomas no início, após cinco semanas e após 11 semanas.

Eles descobriram que mulheres no grupo da reflexologia experimentaram muito menos falta de ar, sintoma comum em pacientes com cancro da mama. Elas também eram mais capazes de realizar as tarefas diárias, tais como subir um lance de escadas, vestir-se ou ir às compras a um supermercado.

Segundo Wyatt, a equipa ficou surpresa ao descobrir que os efeitos da reflexologia parecem ser principalmente físicos, e não psicológicos. "Nós não notamos a mudança esperada nos sintomas emocionais como ansiedade e depressão. As mudanças mais significativas foram documentadas nos sintomas físicos", afirma.

A equipa agora está a pesquisar se massagens semelhantes à reflexologia, realizadas por amigos e familiares dos pacientes com cancro, ao invés de reflexologistas, podem ser opção de tratamento simples e barato.

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Os benefícios da reflexologia

   



Imagine estimular o corpo todo apenas tocando áreas específicas. Isso é o que faz a reflexologia. Segundo os praticantes da técnica, pés e mãos podem ser massageados para tratar de dores de cabeça ou problemas no estômago. Especialistas no assunto falam sobre essa tecnica. Quer ver a entrevista?




 

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

domingo, 4 de novembro de 2012

quinta-feira, 1 de novembro de 2012

Reflexologia na terceira idade



Quando ficamos mais velhos, nem todas as atividades físicas podem ser praticadas, pois nosso corpo está mais vulnerável a acidentes e o organismo fica com o metabolismo mais lento. Ao chegarmos à terceira idade, nos tornamos mais frágeis, nossa pele fica mais fina, ocorre a diminuição da força e da massa muscular, entre outros fatores. Nessa fase da vida, precisamos redobrar os cuidados com a saúde e, atualmente, os idosos encontram isso nas sessões de reflexologia.

A reflexologia (ou reflexoterapia) é uma técnica milenar egípcia realizada nas solas dos pés, nas palmas das mãos e nas orelhas, pois são as regiões onde estão localizados os plexos nervosos, ou seja, as terminações nervosas. Estimuladas da maneira correta, podem restabelecer o funcionamento ideal do organismo.

O método não só garante o bem-estar geral do organismo como também aciona o sistema imunológico, mais fragilizado na terceira idade. Dessa forma, ocorre a prevenção de contágios e doenças, sem contar os resultados positivos nas articulações, alívio em dores, melhora no sono e a diminuição da ansiedade, dos riscos de depressão e da retenção de líquidos. Nas sessões de reflexologia, os idosos são posicionados de maneira confortável e o profissional respeita a fragilidade óssea e cutânea típica deste período de vida.

A reflexologia podal é a mais procurada, pois os pés têm uma área maior que facilita a manipulação dos nervos. A técnica favorece a restauração do equilíbrio do organismo, estimula a circulação sanguínea e o sistema de cura, e alivia as tensões musculares. Como na terceira idade há uma preocupação maior com o estilo de vida, a reflexologia é uma terapia útil, não invasiva, que busca fortalecer o organismo e dar um término às tensões corporais.

Independente de ser idoso ou não, o terapeuta colocará em prática o método de acordo com seus hábitos pessoais. As sessões podem ter, em média, 20 minutos semanais e, se o caso for mais preocupante, a cada três dias. Isso dependerá do que for decidido entre você e o terapeuta. A reflexologia pode ser aplicada não só em idosos, como também em bebês e gestantes. Os resultados são praticamente os mesmos, até mesmo contribui para a diminuição do estresse.

O objetivo final das sessões é atingir o nível de equilíbrio integral. Geralmente, os idosos lidam com desafios físicos e emocionais, e as sessões de reflexologia fazem com que eles se sintam autoconfiantes e fiquem mais saudáveis. Em contato com a massagem, ocorre um tratamento contra infecções – asma brônquica, bronquite, rinite, etc. – e os resultados se refletem na melhora nas dores lombares, na cabeça e nas costas, e o controle da osteoporose.

Os efeitos do tratamento dependerão da evolução e da saúde de cada paciente. O recomendado é que haja um intervalo de sete dias entre cada sessão, e que não ultrapasse a marca das 10 visitas ao tratamento.
 
Postado por Luciana Pepino